Notícias

21.03.2018

Seaway Team surfa nas extensas esquerdas de Chicama

Seaway Team surfa nas extensas esquerdas de Chicama

Gabriel, Alan e Diego em Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

Os atletas do Seaway Team, Alan Donato e Diego Aguiar, após suas participações no QS de San Bartolo, dirigiram-se à região de Chicama com o intuito de treinar nas perfeitas ondas que quebram naquela área.


Diego Aguiar rasgando forte em Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

Lá eles se encontraram com o Freesurfer Seaway Gabriel Pastori e passaram uma semana surfando e treinando juntos. O litoral de Chicama é um dos mais conhecidos do planeta quando o assunto é ondas perfeitas e extensas.


Alan Donato rasgando em Chicama. Foto: Kaléu Wildner

Além das esquerdas de Chicama, Alan, Gabriel e Diego surfaram nas ondas de Poemape, Pacasmayo e Huanchaco, que quebram com mais frequência do que Chicama. 


Gabriel Pastori fazendo a linha em Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

Em Chicama o swell não estava com a direção certa e sem energia suficiente para que a famosa esquerda quebrasse clássica, mas a condição do swell gerou ondas extensas de 2 a 4 pés que garantiu o treino e fez a cabeça da galera.


Diego Aguiar aprimorando seu surf linha em Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

Essa passagem dos atletas pela região de Chicama foi muito importante, principalmente para Alan e Diego, que surfaram pela primeira vez no pico e aproveitaram o treino para a competição na próxima Terça-Feira em Mar Del Plata, onde vai rolar o QS 1.500 Rip Curl Pro Argentina.


Alan Donato atacando forte o lip de Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

"Após o campeonato QS em San Bartolo a gente foi à região central do Peru, onde ficamos hospedados em Chicama, porém surfando em outras ondas da região, como Poemape, Pacasmayo e Huanchaco, pois a onda de Chicama só funcionou nos dois últimos dias da nossa estadia por lá. Já estávamos acompanhando a previsão de um swell, que funcionou com melhores condições nas ondas de Poemape e Pacasmayo, em Chicama as ondas chegavam a até 1 metro nas séries, pois a direção do swell não era a ideal para a onda quebrar clássica, mas ainda assim algumas ondas proporcionavam de 10 a 15 manobras, bem extensas. A água fria e a forte correnteza fizeram a gente pegar um bote para transportar a gente para o pico novamente sempre que pegássemos uma onda até o fim." diz Alan.


Gabriel Pastori em Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

"Gabriel já tinha ido algumas vezes lá, mas Eu e Didi surfamos pela primeira vez a onda de Chicama e foi muito importante para treinarmos o surf linha, apesar da condição ser bem diferente da que encontraremos no QS de Mar Del Plata, é sempre importante entre uma competição e outra surfar onda boa para evoluir o surfe e também conhecer novos lugares. Espero voltar lá novamente para surfar com um swell maior e com a direção certa." Finalizou Alan.


Alan Donato treinou forte o backside nas esquerdas de Chicama. Foto: Kaléu Wildner.

Alan, Diego e Valentin agora estão na região de Punta Hermosa, treinando forte em picos como Señoritas, Caballeros, Pepinos e Punta Roca, visando buscar bons resultados no QS 1.500 da Argentina.


Atletas Seaway Team contemplam mais um fim de tarde no Peru. Foto: Kaléu Wildner.

Confira o vídeo dessa trip:
+ News
Topo
  Carregando...