Notícias

03.04.2018

Conheça a trajetória de Luel Felipe

Conheça a trajetória de Luel Felipe

Luel Felipe timeline

Nascido e criado nas praias de Porto de Galinhas, Luel Felipe desde pequeno já mostrava ser um talento expoente do surf brasileiro, treinando nas ondas de Porto ou competindo pelo Nordeste, Luel sempre apresentava performances acima da média. O grande potencial de Luel se confirmou em 2007, quando ele tinha 15 anos e venceu a seletiva brasileira do Quiksilver King Of The Groms, na praia da Macumba, Rio de Janeiro, título que lhe classificou para o King Of The Groms International em Hossegor, França, onde ele finalizou na 5ª colocação. 

Quando entrou para o Seaway Team, em 2010, Luel foi Campeão da Etapa final do Paulista Pro em Itamambuca, Ubatuba; Vice-campeão do Pena Surf Nordeste em Várzea do Una - PE e fez semifinal em duas etapas do QS 6 Stars, no Arpoador e na Barra da Tijuca.


Luel recém contratado pela Seaway, Novembro de 2010.

Em 2011 Luel ganhou o Prêmio Greenish de Maior Onda dropada na remada em território brasileiro, com uma onda que surfou na Cacimba do Padre - FN em Fevereiro de 2010; foi Vice-Campeão da Seletiva Petrobrás Brasil Tour, no Guarujá - SP; fez Quartas de Final no QS 5 Stars Super Surf International, em Xangri-Lá, Rio Grande do Sul; e viajou para a África do Sul e Açores.



Em 2012 Luel se consagrou Campeão Pernambucano Profissional, fez Oitavas de Final no QS 3 Stars Copa Quiksilver El Salvador em Punta Roca e também no QS 6 Stars Relentless Boardmasters, em Fistral Beach, Inglaterra; viajou para a África do Sul, Austrália, França, País Basco, Açores, México, Espanha, Ilhas Canárias e Hawaii, onde teve uma foto publicada em matéria do site norte americano Surfline sobre a temporada havaiana de 2012/13. 



Em 2013 Luel sofreu uma lesão no joelho e passou boa parte do ano dedicado a sua recuperação, mesmo assim passou algumas baterias em eventos pelo Brasil, Austrália, França e Espanha, mas não conseguiu avançar às fases finais em nenhum deles. Seu melhor resultado foi um 25º no QS 4 Stars Surf Eco Festival em Itacaré, Bahia. As trips que fez pela África do Sul, Hawaii, El Salvador e México foram de extrema importância para a recuperação de sua lesão e para ganhar experiência em ondas longas e pesadas.


Luel Felipe em Pipeline, 2013. Foto: Bruno Lemos.

Em 2014 Luel começou o ano fazendo uma trip para Fernando de Noronha junto ao Seaway Team, onde produziram o vídeo abaixo:



Depois da trip em Noronha, Luel seguiu para a Austrália, onde disputou duas etapas do QS e fez uma expedição de Motorhome pela costa leste australiana junto a Gabriel Farias e Alan Donato. Confira uma parte dessa trip: 



Também em 2014 Luel venceu a penultima etapa do Brasileiro Profissional em São Francisco do Sul - SC e fez trips para a Argentina, França, México e Estados Unidos.


Luel Felipe aproveitando um big swell no México, em 2014.

2015 foi um dos melhores anos de sua carreira como competidor, quando conquistou o título de campeão do QS 1.500 Murasaki Shonan Open, em Kugenuma Beach, Kanagawa, Japão; fez Oitavas de Final no QS 1.000 Outer Banks Pro, na Carolina do Norte, USA; Quartas de Final no QS 3.000 Vans Pro Virginia, USA; Oitavas de Final no QS 3.000 Martinique Surf Pro, em Basse Point e foi 5º colocado no QS 1.500 Rip Curl Pro Argentina, em Mar Del Plata, Buenos Aires.


Luel Felipe campeão do QS 1.500 Murasaki Shonan Open, em Kugenuma Beach, Kanagawa, Japão.

Também em 2015, fez trips para o Hawaii, Austrália, Açores, Portugal e Indonésia. Na trip da Indonésia Luel decidiu surfar um swell épico nas esquerdas de Kandui, que quebrou clássico. Confira o vídeo dessa session histórica: 



Em 2016 ganhou a Expression Session do QS 3.000 Martinique Surf Pro, venceu uma etapa do Sun Diego AM Slam Surf Series na Califórnia, fez Quartas de Final no QS 3.000 Vans Pro Virginia, USA, e fez trips para o Hawaii, Austrália, Japão, África do Sul, Espanha, Açores, Portugal, Marrocos e Costa Rica.


Luel Felipe venceu a Expression Session do QS 3.000 Martinique Surf Pro com esse Superman. Foto: WSL

Luel vem evoluindo a cada ano, em 2017 venceu a categoria PRO AM do Sun Diego AM SLAM Surf Series em Ocean Beach e também venceu a PRO AM do Revolt Summer Surf Series em Pacific Beach, ambos na California, USA. Nas etapas da WSL chegou às Oitavas de Final no QS 6.000 Australian Open Of Surfing, em Manly Beach, New South Wales; foi 5º colocado no QS 3.000 Vans Pro Virginia, em Virginia Beach, USA; 5º colocado no QS 1.500 Anfaplace Pro Casablanca, Marrocos, e fechou o ano somando 5,860 pontos com a 79ª colocação no Ranking do Qualifying Series. 


Luel Felipe teve seu melhor resultado no QS 2017 durante o Australian Open Of Surfing, em Manly Beach.

Também em 2017 Luel fez trips para Barbados, Martinique, África do Sul, Espanha, Açores, Portugal, Japão, Espanha e Hawaii.

Luel continua focado no seu principal objetivo de conquistar bons resultados nas etapas do Qualifying Series 2018 pelo mundo e somar pontos suficientes para ter acesso à primeira divisão do circuito mundial (CT). Sua próxima parada será em Chiba, Japão, onde vai disputar o QS 6.000 Ichinomiya Chiba Open.
+ News
Topo
  Carregando...